Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

África do Sul: Número de Detentores de Criptomoedas Cresce Para 11,3%

O número de sul-africanos que usam internet e possuem criptomoedas cresceu de 10,3% em Outubro de 2021 para 11,3% em Dezembro de 2021, indicando uma taxa de propriedade de criptomoedas maior que a dos EUA (10,5%) e da Suécia (9,8%).

De acordo com o relatório do Finder, dos 2.003 usuários de internet sul-africanos inquiridos, 11,3% admitiram ser detentores de criptomoedas. Contudo a taxa de propriedade de criptomoedas da África do Sul ainda está abaixo da média global, que passou de 11,2% em Outubro para 15,5% em Dezembro de 2021.

Bitcoin e Ethereum lideram como principais criptomoedas entre os sul-africanos

Bitcoin -adrica-África--do--do-sul-cri-adrica-África--do--do-sul-criptomoedas--adrica-África--do--do-sul-cri-adrica-África--do--do-sul-criptomoedas-mercado--adrica-África--do--do-sul-cri-adrica-África--do--do-sul-criptomoedas-mercado-finder--adrica-África--do--do-sul-cri-adrica-África--do--do-sul-criptomoedas-mercado-finder-rela-adrica-África--do--do-sul-cri-adrica-África--do--do-sul-criptomoedas-mercado-finder-relaro-adrica-África--do--do-sul-cri-adrica-África--do--do-sul-criptomoedas-mercado-finder-relatório

Quanto às criptomoedas mais usadas entre os sul-africanos, o relatório mostrou que 56% dos proprietários de criptomoedas no país possuem Bitcoin. Mas, ao que tudo indica as outras criptomoedas também estão a ganhar espaço nas terras de Mandela.

O relatório revela que a Ethereum é a segunda maior criptomoeda no país, com uma participação de 31,5%. Em 3° lugar está a Ripple, concentrando 25,8% dos usuários inquiridos. Em 4° e 5° lugar estão o Dogecoin e a Solana, respectivamente.

Entre agora e a última pesquisa, o número de proprietários de criptomoedas pesquisados que disseram possuir BTC caiu de 73,5% para 56% em comparação com os dados do última pesquisa.

Lê-se no relatório do Finder.

Homens lideram adopção de criptomoedas em termos de gênero

Por outro lado, entre os que afirmaram possuir criptomoedas, 62% são do sexo masculino e 38% são do sexo feminino. De acordo com o relatório, isso significa que “os homens sul-africanos têm cerca de 1,6 vezes mais chances de ter criptomoedas do que as mulheres”.


LEIA TAMBÉM


Terra LUNA: Uma das Maiores Criptomoedas de DeFi| Guia CompletoTerra LUNA: Uma das Maiores Criptomoedas de DeFi| Guia Completo

Primeiro caixa eletrônico de criptomoedas supostamente instalado no Uruguai

%d bloggers like this: