Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Austrália Disponibiliza 6 Milhões de Dólares a Equipas Inovadoras de Blockchain.

O governo australiano disponibilizou 6 milhões de dólares para organizações que trabalham com projectos inovadores envolvendo a tecnologia blockchain, a ideia é melhorar os serviços de rastreamento de minerais e impostos no país.

As inscrições para a aquisição dos investimentos estarão abertas até o dia 29 de Abril. Qualquer comerciante individual, parceria, organização de pesquisa com financiamento público ou uma entidade constituída na Austrália que possua um Australian Business Number pode se inscrever a iniciativa.

Dois projectos pilotos diferentes, um financiamento

O governo australiano planeia financiar dois projectos pilotos diferentes:

  • O projecto piloto de Proveniência de Alimentos e Bebidas: que busca resolver as complexidades associadas aos produtores de bebidas alcoólicas que pagam regularmente os seus impostos. 
  • E o Projecto Piloto de Minerais Críticos: que busca reforçar a integridade da cadeia de suprimentos para a indústria mineira e espera conseguir contribuições para o Esquema de Certificação Ética Nacional da Austrália, de modo a provar a procedência dos minerais produzidos localmente exportados para os mercados internacionais.

Um incentivo para start-ups de blockchain

No anúncio, o governo australiano observou que espera que as aplicações bem-sucedidas sejam uma colaboração entre várias organizações, incluindo as reguladoras.

Os candidatos, segundo o anúncio, devem demonstrar que os seus projectos atendem aos requisitos dos dois projectos pilotos que são: atender às necessidades dos reguladores, reduzir os encargos de conformidade para as empresas e apoiar a comunidade de start-ups de blockchain da Austrália.

No documento, o governo afirma que o os projectos blockchain a serem apresentados deverão ser únicos, deverão agregar valor e não duplicarão os produtos já existentes no mercado.

Os candidatos, continua o documento, também devem demonstrar a viabilidade e segurança das suas plataformas, incluindo se a sua plataforma blockchain já foi objeto de um ataque de 51%.

O governo australiano tem sido proativo no incentivo ao desenvolvimento da tecnologia blockchain, isto desde o lançamento do seu National Blockchain Roadmap de cinco anos, em 2020.

De lá para cá, vários outros países reconheceram o potencial da tecnologia blockchain nos últimos tempos e vêm estimulando progressivamente o sector.

Em África, enqunto Angola continua a observar a inovação pelo muro, alguns países como o Quênia e a Tanzânia já começaram a avaliar e a implementar a tecnologia para resolver os seus problemas locais, dentre os quais a atribuição e o registo da posse de terras, este último processo feito via blockchain.


LEIA TAMBÉM


China Propõe Directrizes Regulatórias Globais Para CBDCs

Charles Hoskinson Está a Vender Uma Publicação do Twitter Como Um NFT

%d bloggers like this: