Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Banco Central da Coreia vai Dirigir CBDC em Telefones Samsung Galaxy

O banco central da Coreia do Sul está explorando os pagamentos de criptomoedas sem ligação directa ou remota a um computador ou a uma rede de computadores, como a Internet por meio da linha de smartphones Galaxy da Samsung

Samsung-criptomoedas-coreia-do--coreia-do-sul-coreia-do-sul-Samsung-criptomoedas-coreia-do--coreia-do-sul-coreia-do-sul-cbdc-Samsung-criptomoedas-coreia-do--coreia-do-sul-coreia-do-sul-cbdc-empresa-smartsmartphone
Banco Central da coreia

O banco central da Coreia está testando uma moeda digital por meio dos smartphones Galaxy da gigante multinacional sul-coreana da tecnologia, Samsung Electronics, de acordo com uma reportagem do The Korea Times em 8 de agosto .

O Banco da Coreia anunciou que faria uma licitação para selecionar seu fornecedor de tecnologia para o CBDC em maio . 

CBDCs são moedas digitais apoiadas pelo banco central. O objetivo de um CBDC é fornecer uma alternativa digital à moeda fiduciária tradicional de um país.

O piloto do Banco da Coreia, lançado em 28 de junho deste ano, visa especificamente testar os aspectos práticos dos pagamentos digitais usando telefones Galaxy. 

O programa piloto visa verificar se é “possível realizar pagamentos por meio de telefones celulares usando a moeda digital sem disponibilidade de internet, ou enviar remessas CBDC para outros telefones celulares ou para outras contas bancárias conectadas”, disse um executivo de banco não identificado ao The Korea Times .

A primeira fase do piloto vai até dezembro e vai avaliar a adequação da tecnologia. A fase dois, que deve ocorrer de janeiro a junho próximo, avaliará os aspectos práticos do Banco da Coreia em expandir suas práticas bancárias para incorporar o CBDC. 

Samsung e criptomoedas

Samsung-criptomoedas-coreia-do--coreia-do-sul-coreia-do-sul-Samsung-criptomoedas-coreia-do--coreia-do-sul-coreia-do-sul-cbdc-Samsung-criptomoedas-coreia-do--coreia-do-sul-coreia-do-sul-cbdc-empresa-smartsmartphone

A Samsung vem integrando criptomoeda em seu hardware de smartphone desde 2019. O lançamento do S10, com sua carteira de criptomoeda embutida , foi seguido em 2020 pela linha S20, que expandiu a funcionalidade blockchain integrada com o Blockchain Keystore – um recurso que permite que os usuários armazenem as chaves privadas em suas carteiras criptográficas com segurança em seus dispositivos. 

Se o piloto for bem-sucedido, a Coreia do Sul será um dos primeiros países a oferecer uma alternativa CBDC a serviços como Apple Pay e Google Pay, que permitem pagamentos por telefone sem contato sem a necessidade de uma conexão com a internet.


LEIA TAMBÉM


Intel Detém Participação na Coinbase

Dogecoin Virá Estampado no Equipamento do Watford FC na Temporada 2021-2022