Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Banco Central da Nigéria Cria Site Particular Para o Naira Digital Faltando Poucos Dias Para o Seu Lançamento

O Banco Central da Nigéria criou um site especificamente para a sua moeda de banco central (CBDC), o eNaira, faltando apenas alguns dias para o seu lançamento agendado para o dia 1 de Outubro.

O site será o canal que o banco utilizará para informar mais detalhes sobre o Naira digital. O site conceitua o Naira Digital como um meio de troca e uma reserva de valor que incentivará o crescimento económico do país.

“O eNaira foi desenvolvido para cultivar o crescimento económico, fornecer remessas mais baratas, limitar o comportamento fraudulento e ter segurança, entre outros benefícios para seu uso”

Lê-se no site

A CBDC por ser um sistema resiliente, inovador, inclusivo e competitivo permitirá que famílias e empresas façam pagamentos rápidos, eficientes e confiáveis.

A moeda digital terá curso legal e as transações estão isentas impostos. Os nogerianos podem, a partir de agora, começar a baixar o aplicativo, que também conta com integração com contas bancárias. O site apresenta alguns recursos que facilitarão o uso da moeda digital.

O percurso até chegar a CBDC foi turbulento

Apesar de vários empecilhos, a Nigéria é o país com maior adopção de criptomoedas a nível do continente africano.

O banco central nigeriano, embora esteja agora a criar a sua CBDC, já foi céptico com relação às criptomoedas, tanto que chegou de proibiu as instituições financeiras e bancos locais de facilitar as transações baseadas em criptomoedas.

Mas, o banco foi alvo de muitas críticas da população, por tomar esta decisão contra os cripto-activos.

Para levar adiante o projecto da CBDC, o Banco Central uniu-se à uma empresa FinTech global, a Bitt, alegadamente por sua competência tecnológica e segurança de plataforma, justificou o banco.

No entanto, a decisão de se juntar a Bitt também foi criticada, por um lado, porque o banco apex aparentemente desprezou as empresas de fintech locais por uma possível parceria. 

Por outro lado, porque a decisão de se associar a uma empresa estrangeira poderia expor o projecto eNaira a questões de segurança.

Espera-se que o eNaira seja lançado e que sirva de exemplo para outros países africanos. Até ao momento, o site da CBDC nigeriana já teve mais de 1 Milhão de acesso.


LEIA TAMBÉM


CBDC da Nigéria Será mais Segura que Criptomoedas Privadas, Garante Vice-governador do CBN

Governador do Banco Central do Quênia: DeFi e Criptomoedas Surgiram Devido a Desconfiança dos Cidadãos nos Governos

%d bloggers like this: