Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Bitcoin Cash (BCH): Hard Fork do Bitcoin| Guia Completo

O que é Bitcoin Cash

Bitcoin Cash (BCH) é uma criptomoeda que pretende oferecer uma alternativa ao mais antigo e mais negociado do mundo, Bitcoin (BTC).

Lançado em 2017, Bitcoin Cash foi criado por um grupo de usuários de Bitcoin que discordou do roteiro proposto pelo principal grupo de desenvolvedores do projeto, Bitcoin Core, e que acreditava que diferentes decisões técnicas eram necessárias para levar Bitcoin para um público global.

Os proponentes do Bitcoin Cash tendiam a acreditar que o Bitcoin exigia modificações para torná-lo competitivo com os sistemas de pagamento tradicionais, como Visa e PayPal. Eles também defenderam a redução das taxas que os usuários pagam para enviar transações, preferindo transferir esses custos para outras partes da rede.

Para atingir esse objetivo, o Bitcoin Cash modificou o código do Bitcoin e lançou uma nova versão do software com recursos que não eram mais compatíveis com o Bitcoin. No lançamento, isso efetivamente dividiu o Bitcoin em dois (Bitcoin e Bitcoin Cash) e dois ativos separados (BTC e BCH).

Isso significava que qualquer usuário que possuía BTC poderia reivindicar um saldo igual de BCH no momento em que as duas cadeias de blocos se separassem.

Desde então, o Bitcoin Cash foi rápido em adicionar novos recursos, aumentando a quantidade de dados que pode armazenar em cada bloco para 32 MB. (Bitcoin desde então mudou para um sistema totalmente diferente para contar seus dados de transação.)

O Bitcoin Cash, desde então, também emprestou recursos de outras criptomoedas, incluindo a funcionalidade que permite aos usuários lançar novos tipos de tokens em seu blockchain.

Quem criou o BCH?

O lançamento do Bitcoin Cash remonta a um grupo de empresas e desenvolvedores que, cansados ​​de brigas internas por uma regra de rede, decidiram criar e publicar um código que a alterasse.

Chamado de Bitcoin ABC, o software que criaria Bitcoin Cash foi revelado pela primeira vez em junho de 2017. Em seguida, passou por testes antes de ser finalmente lançado em 1 de agosto de 2017.

Mas os desenvolvedores não foram os únicos envolvidos na criação do fork. Como a divisão exigia que os usuários criassem um novo blockchain a partir de um blockchain antigo, as empresas de mineração precisavam dedicar poder de computação substancial para criar o primeiro bloco no novo blockchain Bitcoin Cash.

Bitcoin e Bitcoin Cash diferem mais nitidamente em sua abordagem à filosofia geral de design.

Os desenvolvedores de Bitcoin Cash geralmente veem os pagamentos do consumidor como mais essenciais para aumentar o valor do BCH no curto prazo e, portanto, os usuários podem considerá-lo mais adequado para gastos online.

O recurso mais notável do Bitcoin Cash é que os blocos em seu blockchain podem ser maiores, permitindo que ele processe mais transações cada vez que uma é adicionada. O espaço adicional permite que os usuários evitem taxas usadas no Bitcoin para determinar a prioridade em tempos de alta demanda.

Isso também significa que os usuários do Bitcoin Cash podem ter dificuldade para baixar sua própria cópia do blockchain. Como os blocos são maiores, armazenar e auditar esse registro pode ser mais caro.

Os usuários do Bitcoin Cash também terão de atualizar seu software com mais frequência e ter mais cuidado ao fazer isso. Conforme os desenvolvedores do Bitcoin Cash adicionam e alteram recursos em um ritmo mais rápido, há uma chance maior de que alguns sejam rejeitados pela rede.

Essa atitude mais agressiva em relação às atualizações já fez com que o Bitcoin Cash se dividisse em duas redes, Bitcoin Cash ABC e Bitcoin SV.

Por que o BCH tem valor?

Os defensores do Bitcoin Cash acreditam que, ao focar em tornar suas transações mais baratas, os consumidores começarão a escolher o BCH em transações online, tornando-o mais valioso.

O Bitcoin Cash também mantém várias das mesmas propriedades do Bitcoin, incluindo sua escassez. Isso inclui a regra de que apenas 21 milhões de BCH podem ser criados e que a quantidade de novos BCH introduzidos na rede está programada para diminuir com o tempo (em eventos conhecidos por metades).

No final de 2019, cerca de 18,1 milhões de BCH estavam em circulação, com 12,5 BCH sendo introduzidos com cada bloco. Em 2020, esse número diminuiu para 6,25 BCH.

Dadas as semelhanças entre Bitcoin e Bitcoin Cash, os comerciantes podem vê-lo como uma proteção que reduz o risco caso o roteiro do Bitcoin limite sua adoção ou torne sua tecnologia menos valiosa.

Qual é o futuro do BCH?

Como é o caso da maioria das criptomoedas, o Bitcoin Cash continua sendo um experimento.

Portanto, dependendo de como a demanda pelo Bitcoin Cash evolui, podemos aprender lições sobre redes de criptomoedas observando as diferenças entre Bitcoin e Bitcoin Cash.

Em 2021, algumas questões essenciais dirigidas para o Bitcoin Cash incluem:

O BCH pode continuar subsidiando transações mais baratas para os usuários? OU As taxas serão necessárias à medida que as recompensas disponíveis para os mineiros continuarem diminuindo?

Manter várias equipes de desenvolvedores tornará o BCH mais seguro? OU Essa competição levará a bugs caros e erros de software?

As atualizações mais frequentes melhorarão os recursos do BCH? OU Eles causarão mais divisões de rede, criando mais criptomoedas alternativas?

Os usuários preferirão comprar e manter o BTC como uma alternativa ao ouro e ao dinheiro vivo? OU Eles preferem comprar e gastar BCH como uma alternativa ao Venmo ou PayPal?

Sem dúvida, os comerciantes estão observando os gráficos para ver como essas perguntas serão respondidas.


LEIA TAMBÉM


Bitcoin Angola Podcast – Episódio 39 | Bitcoin 50k, Ethereum, Cardano (ADA) vs Binance Coin (BNB)

Usuário Descobre Carteira Falsa da Cardano (ADA)

%d bloggers like this: