Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Criador da Cardano Quer Construir Protocolos Abertos Para Garantir a Liberdade de Expressão

Os EUA enfrentam um dos períodos mais turbulentos da história da sua democracia. Recentemente, o Presidente Donald Trump fez uma série de discursos que levaram à suspensão do seu Twitter e Facebook, a Google também removeu a rede social “Parler” da sua plataforma para replicar a suposta mensagem de “violência” de Trump e seus apoiantes, e não é tudo, a Apple também pondera seguir o mesmo caminho, o que suscitou críticas de Charles Hoskinson.


Charles Hoskinson, CEO da IOHK e criador da Cardano, manifestou-se contra o aparente “monopólio” exercido por estas empresas. Hoskinson acredita que elas “abusam” do seu poder. Em resposta a um relatório da Reuters, ele escreveu:

Obrigado, Apple, por tornar as criptomoedas ainda maiores. Continue a abusar da sua plataforma e a destruir a liberdade de expressão. Mal posso esperar para construir protocolos abertos que irão consumir o seu almoço.

Charles Hoskinson – Via Twitter

Empresas como a Apple, que possuem bilhões de usuários, têm um grande poder de influência na economia e nos negócios do governo, não podem ser tratadas como qualquer empresa privada, segundo Hoskinson. O criador da Cardano acredita que a informação é o “petróleo do século 21” e, portanto, o progresso do mundo depende de nenhuma entidade ter o controlo absoluto dela.

Plataformas como Apple, Google, Twitter, Facebook, entre outras, têm controlo sobre o que você vê, pensa, sua expressão ou a falta dela (…) A realidade é que essas plataformas devem se tornar protocolos, sempre acreditei que não podíamos confiar no governo para controlar a política monetária, não podemos confiar no Federal Reserve (…).

Charles Hoskinson – via Twitter

As criptomoedas representam a falta de confiança das pessoas no sistema financeiro controlado pelo governo. Hoskinson acredita que na próxima década a indústria continuará a crescer devido à adoção massiva por pessoas que buscam criar um contrapeso à centralização do governo e dos gigantes corporativos.

Se eles não podem ser controlados e não podemos controlá-los com o voto, nossa única opção não violenta é optar por sair. Foi o que fizemos com as criptomoedas (…) No ano passado essa verdade foi aprendida por milhões de pessoas ao redor do mundo.

Charles Hoskinson – via Twitter

As comunidades devem ter o controle

Neste sentido, Hoskinson acredita que a tecnologia blockchain deve “estender-se à nova economia” e fazer parte da descentralização da informação, a nova unidade de valor na criação de riqueza no século actual.

A informação deve ser libertada dos mercados em que existe e dos guardiões dentro dos quais existe (…). Precisamos criar protocolos para nos ajudar a garantir que não possamos ser degradados e censurados. Particularmente para que uma ideologia não possa manipular o diálogo e impedir a liberdade de pensamento (…)

Charles Hoskinson – via Twitter

Segundo Hoskinson, a indústria de criptomoedas tem os recursos necessários para construir protocolos que superem a censura e criem uma “nova maneira” de seleccionar informações.  O inventor da Cardano propôs que se permita que os usuários de uma rede social façam a checagem de factos com provedores externos instalando um aplicativo.

Assim, segundo o criador da Cardano, haveria um influxo de informações “diversas” e os usuários poderiam escolher ou comparar diferentes pontos de vista. Nesse sentido, voltou a sublinhar que este poder não pode ser exercido por uma entidade centralizada. Hoskinson, concluiu dizendo: “é melhor correr o risco da liberdade do que a segurança de uma prisão”.


LEIA TAMBÉM


Elon Musk diz que Nunca Mais Recusará um Pagamento em Bitcoin

Bitcoin Ultrapassou o Facebook em Valor de Mercado

Escreva o seu comentário

%d bloggers like this: