Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Criptomoedas: Nigéria Continua a Registar Altos Volumes de Transacções Mesmo Após a Proibição

A Nigéria continua a registar altos volumes de transacções mesmo após a proibição do Banco Central da Nigéria, que determina que as instituições financeiras do país não lidem com criptomoedas.

Quando a proibição entrou em vigor, os negociantes de criptomoedas na Nigéria tiveram de inventar um meio de continuar as suas transacções sem a interferência dos bancos.

Assim, a negociação P2P tornou-se prática comum e a Paxful, uma plataforma global de negociação de criptomoedas ponto a ponto, tornou-se uma das plataformas mais utilizadas no país.

Altos volumes de transacções

Nigeria-criptomoedas-paxful-p2p-África-moedas-digitais-proibição

De acordo com o relatório, os nigerianos que realizam negociações usando a plataforma Paxful foram capazes de atingir um notável volume de negócios de 1,5 bilhão de dólares, apesar da proibição.

E de acordo com dados publicados pela UsefulTulips, os nigerianos que usam a Paxful negociaram mais de 6,3 milhões de dólares nos últimos 7 dias e mais de 77,4 milhões de dólares nos últimos 90 dias.

Outros países com registos altos nos últimos meses

Além da Nigéria, várias outras economias importantes estão a se tornar cada vez mais interessadas no comércio de criptomoedas.

A Paxful registou volumes de comércio impressionantes de países como China, Estados Unidos da América, Índia e Quênia.

Globalmente, a plataforma ponto a ponto tem mais de seis milhões de usuários com mais de 5 bilhões de dólares em negociações realizadas.

De acordo com o CEO e cofundador da empresa, Ray Youssef, o sistema financeiro tradicional não consegue mais atender às necessidades de uma grande percentagem da população mundial.

Ele observou que os sistemas financeiros actualmente em vigor promovem muitas desigualdades financeiras, acrescentando que as criptomoedas têm o poder de mudar o sistema.


LEIA TAMBÉM


Coinbase: Já é Possível Comprar Criptomoedas na Exchange Com o PayPal

Etiópia Utilizará Blockchain Cardano Para Melhorar Serviços Sociais do País