Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Donald Trump Pode Conceder Perdão a Ross Ulbricht

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, demonstrou simpatia pelo caso de Ross Ulbricht e está a considerar conceder-lhe um perdão.

Aproximadamente um mês antes de deixar a Casa Branca, Trump está a considerar perdoar o fundador do Silk Road Ross Ulbricht, que está a cumprir uma sentença de prisão perpétua dupla mais 40 anos.

Isso acontece quando a campanha “free Ross” ganha força, com muitas pessoas novas a assinar a petição online para libertá-lo da prisão.

Trump e o Perdão ao Fundador do Silk Road

Fundado em 2011, o Silk Road rapidamente se tornou o maior mercado negro online de venda de drogas ilegais e outros produtos ilícitos. Permitia que os usuários navegassem anonimamente e seu principal método de pagamento era o bitcoin.

O Federal Bureau of Investigation (FBI) fechou o site em outubro de 2013 e a agência prendeu o fundador – Ross Ulbricht. Dois anos depois, ele recebeu duas sentenças de prisão perpétua sem liberdade condicional por crimes não violentos.

No entanto, citando fontes anónimas, o Daily Beast relatou que o atual presidente dos EUA está a considerar reverter as sentenças. Pessoas familiarizadas com o assunto disseram que o gabinete do advogado da Casa Branca recebeu documentos relacionados ao caso de Ulbricht.

Além disso, eles alegaram que Trump “expressou em particular alguma simpatia” pelo fundador do Silk Road e acrescentou seu nome à lista de possíveis perdões.

O relatório observou que Ulbricht ganhou vários apoiadores influentes no círculo político e social do presidente, mas ainda não está claro se Trump tomou uma decisão final.

Ross Ulbricht - Donald Trump - Silk Road
Ross Ulbricht – Fundador do Silk Road. Fonte: Free Ross

 

É importante notar que Trump tem pouco mais de um mês para agir sobre o perdão. O presidente eleito Joe Biden terá sua posse em 20 de janeiro de 2021 e se tornará o novo presidente.

Em novembro de 2020, o presidente Trump concedeu 44 perdões ao longo de quase quatro anos no cargo. Este número é significativamente menor do que os outros presidentes – presidente Franklin Roosevelt (2.819 perdões), presidente Harry Truman (1.913 perdões) e o presidente Dwight Eisenhower (1.110 perdões).

A comunidade tem dado a sua voz sobre o caso

Como o Silk Road usava principalmente bitcoin para suas transações, o caso de Ulbricht foi amplamente discutido na comunidade de criptomoedas. A situação só se intensificou após os desenvolvimentos mencionados.

Michael Goldstein, fundador do Instituto Satoshi Nakamoto, disse em um tweet que se Trump realmente perdoasse Ulbricht, seria uma “tremenda restauração da justiça”. Ele se juntou àqueles que acreditam que a investigação e a prisão foram “corruptas, cruéis e injustas”.

A campanha “free Ross” também recebeu novos apoiadores. A petição online criada por sua família adicionou novas assinaturas. Até agora, mais de 365.000 assinaram, com a meta definida em 500.000.

Para ajudar Ross Ulbricht faça a sua assinatura na petição Online em change.org

 

Contribua para a exchange da Comunidade: Crowdfunding da Exchange de Criptomoedas da Comunidade – Yetubit

Leia também: Joe Biden Pode Colocar Bitcoin no Sistema Financeiro Americano

Leia também: Criado Token Com Valor Indexado à Saúde do Presidente Donald Trump

Escreva o seu comentário