Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Google Recebe Críticas por Alegadamente não Remover um Anúncio Fraudulento Sobre Criptomoedas

A Google está a ser criticada por alegada falta de acção contra um anúncio fraudulento sobre criptomoedas, anúncio este que apresenra-se por meio de um artigo de jornal publicado de forma legítima.

O esquema fraudulento apresenta-se como um artigo publicado pela plataforma mediática do Reino Unido, o  The Daily Mirror. O artigo em causa conta com uma entrevista de um indivíduo apresentado na matéria como o milionário mais jovem do Reino Unido.

Este suposto milionário, conforme a matéria, ganhou todo o seu dinheiro com investimentos em criptomoedas. O destaque da matéria diz: Brit chocou a todos ao revelar o aplicativo que lhe rendeu 23.000 libras por mês.

O esquema fraudulento

Google-mirror-Dailly-artigo-criptomoedas-matéria-Reino-unido-fraude

Ora, até aqui não há, aparentemente, nada de anormal. Mas, a verdade é que o anúncio é falso.

Ou seja, se os leitores clicarem no anúncio dentro do artigo, eles são direccionados para um site que promete milhões de dólares se eles estiverem dispostos a utilizar um determinado algoritmo que negocia em configurações do mercado de criptomoedas.

O site apresenta uma interface decorada com imagens de famosos conhecidos que terão utilizado o mesmo algoritmo para aumentarem as suas fortunas, só que alguns destes dizem nem saber da existência do site ou dos seus serviços.

As críticas contra a Google

Google-mirror-Dailly-artigo-criptomoedas-matéria-Reino-unido-fraude-
Martin Lewis

Em função dos elementos referenciados, o artigo tem suscitado muitas críticas contra a Google. Os reclamantes acusam a empresa de ignorar o assunto apesar de saber da existência do artigo fraudulento.

O fundador da Money Saving Expert, Martin Lewis, afirma que problemas como estes estão a tornar-se comuns pelo mundo. Recentemente, a sua imagem fez parte de um esquema semelhante, sem que ele soubesse de alguma coisa sobre o assunto.

Martin Lewis conta que a sua imagem foi usada, sem a sua permissão, para promover um esquema de criptomoedas online, e que desde então discutiu o problema no Facebook e outras redes sociais para alertar as pessoas sobre o assunto.

O jornalista de finanças ao consumidor da BBC, Paul Lewis, também relatou que viu a sua imagem a ser usada em falsos esquemas de criptomoedas online que aparecem nos resultados de pesquisa do Yahoo. Numa entrevista, Paul Lewis disse:

Nunca comprei criptomoedas e aconselho todo mundo a não fazer isso. Você pode perder todo o seu dinheiro.

‘Eu relatei várias vezes, mas nenhuma acção efectiva foi tomada para impedir que reaparecesse vezes após vezes’

Google-mirror-Dailly-artigo-criptomoedas-matéria-Reino-unido-fraude

Mark Taber, um activista que faz campanhas contra fraudes na internet garante que reportou várias vezes a fraude com o suposto artigo do Daily Mirror ao Google, mas diz que ainda não viu nenhuma acção da empresa:

Este falso artigo (…) está presente no Google Ads há meses.

 

Eu reportei várias vezes, mas nenhuma acção efectiva foi tomada para impedir que reaparecesse vezes após vezes.

 

Isso sugere que a Google não deseja ou não pode fazer cumprir as suas próprias políticas.

Disse Mark Taber

Contudo, a empresa já se posicionou sobre o assunto por meio de um porta-voz, reafirmando a seriedade com que leva as suas políticas. Na declaração, o porta-voz da Google disse:

A Google sempre teve políticas rígidas sobre o tipo de conteúdo que pode ser veiculado como anúncio na nossa plataforma. Removemos rapidamente todos os anúncios que violam estas políticas.


LEIA TAMBÉM


Protocolo da Venus XVS: Um Produto da Binance Smart Chain | Guia Completo

Brian Brooks Renuncia ao Cargo de CEO da Binance US