Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Intel Apresenta Detalhes Sobre o Chip de Mineração Bonanza Mine

A Intel, empresa multinacional de tecnologia, apresentou, durante a conferência International Solid-State Circuits Conference (ISSCC) 2022, os detalhes técnicos do seu chip de mineração de criptomoedas Bonanza Mine.

A conferência que foi organizada pelo Instituto de Engenheiros Elétricos e Eletrônicos (IEEE) teve início no dia 20 do corrente mês. Nela, a Intel reafirmou que o chip de mineração oferece maior eficiência energética, um detalhe que o coloca muito acima do que qualquer outro dispositivo do mercado.

O Bonanza Mine é um chip projectado para minerar apenas Bitcoin e foi construído como um ASIC. De acordo com os detalhes apresentados, esta primeira geração de Intel Bonanza Mine (BMZ1) contém 300 chips BMZ1.

Intel Apresenta Detalhes Sobre o Chip de Mineração Bonanza Mine

Outro detalhe é que os 300 BMZ1, quando combinados, criam uma potência de 3.600 watts (W). E fornecem 40 terahash por segundo (TH/s) de poder de computação, uma quantidade baixa em relação ao Antminer S19 e S19 Pro da Bitmain que fornece entre 95 e 110 TH/s e o WhatsMiner M30S da MicroBT que gera hashes de até 112 TH/s.

No entanto, embora a taxa hashes do BMZ1 esteja a baixo dos principais mineradores, ele é energética mais eficiente. Empresas como Block e Argo, que pautam pela mineração mais limpa, já encomendaram o novo produto da Intel.


LEIA TAMBÉM


Intel Cria Chip Para Minerar Criptomoedas

Terceiro Homem Mais Rico do México Exorta a Compra de Bitcoin

Senadores dos EUA Criam Projecto de lei sobre Adopção do Bitcoin em El Salvador

%d bloggers like this: