Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Irão Suspende Actividades da Associação Iraniana de Blockchain

O ministério do interior iraniano suspendeu na última semana a Associação de Blockchain do Irão (I.B.A) após esta ter, supostamente, violado algumas regulamentações governamentais do país.

Segundo o jornal Financial Tribune, o Ministério do Interior do Irão proibiu a importante organização da indústria de criptomoedas após várias acusações, incluindo a de que a I.B A estava a agir contra os princípios legais do país.

Além da suspensão, a associação foi também obrigada a enviar relatórios detalhados sobre o seu desempenho financeiro à Organização dos Assuntos Sociais do Irão, de acordo com o jornal local Hamshahri.

O jornal revelou também que o governo está particularmente ansioso por saber mais sobre as interacções da Associação de Blockchain do Irão com as exchanges de criptomoedas.

“O governo não pode impedir o desenvolvimento das criptomoedas indefinidamente”

Irão-Blockchain-iba-criptomoedas-país-ministro-exchange-
Farhad Dwejpasand, Ministro das Finanças e Economia do Irão

Em março deste ano, o Banco Central do Irão (C.B.I) ordenou que a rede de liquidação de pagamentos do país bloqueasse os gateways de pagamentos online dos sites de exchanges de criptomoedas.

Na altura, a I.B.A criticou a decisão argumentando que as medidas contra as tecnologias inovadoras e emergentes são caras e quase sempre mal-sucedidas, acrescentando que:

A tecnologia avança, aconteça o que acontecer.

A posição da associação na altura baseava-se na premissa de que o bloqueio dos portais locais ligados às criptomoedas só empurraria os iranianos para os portaia estrangeiros.

Esta foi, aliás, a mesma preocupação manifestada pelo Ministro das Finanças e Economia do Irão, Farhad Dwejpasand, na altura.

E já em junho, Farhad Dwejpasand disse abertamente que o governo não pode impedir o desenvolvimento das criptomoedas indefinidamente.

Aumenta o uso de criptomoedas no Irão em meio a tentativas de repressão

Irão-Blockchain-iba-criptomoedas-país-ministro-exchange

Com o aumento dos preços das criptomoedas no ano passado, muitos iranianos começaram a investir em Bitcoin e outras criptomoedas, abandonando os mercados tradicionais como forex, ouro e acções.

Recentemente, a Câmara do Comércio de Teerão realizou um estudo que estimou em 12 milhões o número de iranianos que já investiram em criptomoedas.

Um outro estudo realizado pelo Alto Conselho Iraniano do Ciberespaço, revelou que o comércio de Bitcoin na capital iraniana, Teerão, chega aos cerca de 40 trilhões de riais, isto é, 174 milhões de dólares.

Sobre a Associação Iraniana de Blockchain

Criada em 2017, a Associação Iraniana de Blockchain funciona como uma organização sem fins lucrativos de empresários, especialistas e activistas envolvidos na indústria blockchain.

Uma das suas principais prioridades é ensinar os iranianos sobre as criptomoedas e a tecnologia blockchain de modo a ajudar a evitar perdas de investimentos através de fraudes. Tal como declara a associação:

Informar as pessoas e as autoridades sobre sites de risco e casos de fraude está entre os objectivos da I.B.A


LEIA TAMBÉM


Governo Chinês Ordena Corte de Energia às Mineradoras de Bitcoin em Sichuan

Polícia Indiana Prende Crypto King, o Homem Que Comprava Drogas Por Bitcoin

Fique Atento à Protecção de Carteiras de Criptomoedas Contra Ataques Cibernéticos