Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Nigéria Domina Transações P2P de Bitcoin em toda África

O aumento do uso de Bitcoin na Nigéria se tornou uma constante no universo de criptomoedas, levando em consideração que, nos últimos 8 meses, a Nigéria lidera toda a África combinada, no valor transacional de pagamentos P2P.

Ainda assim, o que parece surpreendente para muitos especialistas em criptomoedas é a quantidade de transações que os nigerianos fazem com bitcoins P2P mensalmente, em meio à recessão prevalecente que atinge fortemente a maior economia de África em comparação com outros países africanos.

Dados recuperados de Usefultulips, um provedor de dados analíticos BTC, revelam que uma quantidade significativa de nigerianos usa bitcoin para empréstimos entre pares para seus pagamentos.

Nigéria tem mais transações em volume que África do Sul e Kenya Juntos

Estatísticas recentes mostram que a Nigéria lidera os empréstimos entre pares em África em 2020, postando volumes P2P mensais entre $ 25,8 milhões, seguida pela África do Sul e Kenya, respectivamente, postando cerca de $ 8,2 milhões e $ 7,7 milhões mensais.

O que você deve saber: Bitcoin, peer to peer é a troca de bitcoin entre partes (como indivíduos) sem o envolvimento de uma autoridade central. Isso significa que o uso ponto a ponto de bitcoin tem uma abordagem descentralizada na troca de bitcoins entre indivíduos e grupos.

Bitcoin é uma alternativa para desempregados e pessoas de baixa renda

O porta-voz da Binance em África, Damilola Odufuwa, em uma entrevista exclusiva à Nairametrics, deu uma visão importante sobre o papel que a maior exchange de criptomoedas do mundo, a Binance está tendo em África, particularmente na economia nigeriana;

“No ano passado, mais de 40.000 africanos receberam educação em criptomoedas gratuita por meio de programas / eventos educacionais da Binance. Nossa última masterclass virtual teve mais de 5000 participantes e milhares mais assistindo no YouTube. Uma grande população de participantes é, definitivamente, nigerianos que procuram adquirir habilidades que possam usar para ganhar algum dinheiro extra enquanto estão subempregados em seus “9-5” e também para muitos que não receberam um salário de seus empregadores ou perderam o emprego ao longo do ano ”, disse Odufuwa.

Odufuwa também falou sobre a necessidade de mais nigerianos adquirirem habilidades em torno da cadeia de valor de criptomoedas, levando em consideração que ela é agora a linha de vida moderna das operações financeiras e comerciais em todo o mundo.

“A indústria de criptomoedas ainda é uma indústria em crescimento, portanto, educar-se sobre criptomoedas e aplicar as habilidades que você já possui e colocar no universo cripto pode ajudar alguns dos desempregados”, acrescentou.

Resumindo: uma quantidade significativa de jovens nigerianos está adquirindo habilidades em criptomoedas para sustentar e impulsionar sua renda e subsistência, pois ela oferece os processos mais seguros e baratos de movimentação de capital em relação a outros meios tradicionais de pagamento.

 

Em Angola estamos a trabalhar na Yetubit

As transações P2P em Angola também estão em cresimento, vemos isso todos os dias na nossa Comunidade no Facebook. Porém, ainda não temos nenhuma exchange P2P oficial, e maioria das transações são feitas para compra e venda de bitcoin, muitas vezes online. Mas nesse momento estamos a trabalhar para o lançamento da exchange P2P Yetubit para o final desse mês de Dezembro. Para saber mais leia o artigo sobre o Crowdfunding da Yetubit.

 

Texto adaptado do artigo de Nairametrics.

Leia também: Quase 3 em cada 5 nigerianos estão prontos para uma moeda digital global!

Leia também: Dash já pode ser comprado ou vendido usando o Naira nigeriano

Escreva o seu comentário

%d bloggers like this: