Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Nigéria Regista Aumento de Remessas Anuais em Dólares

O valor das remessas anuais de dólares dos nigerianos que trabalham no exterior subiu para 34 bilhões de dólares, um valor que ultrapassa o recorde anterior de 25 bilhões de dólares.

O aumento pode, segundo Biodun Adedipe, um economista da Adedipe Associates Limited, ser atribuído ao esquema de incentivos criado recentemente pelo banco Central da Nigéria, o denominado “naira por dólar”. Este aumento, por seu turno, reitera mais uma vez a importância das remessas da diáspora nigeriana para o país.

Contudo, mesmo com o aumento no fluxo de remessas, o país continua a enfrentar uma escassez de divisas, o que tem contribuído para a depreciação contínua da moeda nacional, o naira.

O fluxo de remessas cresceu, mas a Nigéria não está a se beneficiar disso

NIGERIA-DolarNIGERIA-Dolar-NIGERIA-Dolar-dolarwsNIGERIA-Dolar-dólares-Adedi-epAssociate-sLimitedremessNIGERIA-DolarNIGERIA-Dolar-NIGERIA-Dolar-dolarwsNIGERIA-Dolar-dólares-Adedi-epAssociate-remessas-remessas-mercadoremessas-mercado-remessas-mercado-nairaremessas-mercado-naira-remessas-mercado-naira-economiremessas-mercado-naira-economistaremessas-mercado-naira-economista-Biodun-Adedipe
Biodun Adedipe, consultor chefe da Adedipe Associates Limited

Como referenciado, a Nigéria continua a enfrentar uma escassez de divisas apesar do aumento no fluxo de remessas vindas do exterior, o que que significa que o país não se está a beneficiar deste aumento.

Ora, de acordo com Biodun Adedipe, isto deve-se ao facto de muitos dos dólares enviados do exterior ao país não chegarem ao mercado de câmbio formal. O economista explicou:

Por exemplo, alguém quer enviar dinheiro para a sua família aqui na Nigéria, essa pessoa, digamos, tem 10 mil dólares nos Estados Unidos e quer dar um valor equivalente em naira (…), os 10 mil dólares entrarão no mercado cambial da Nigéria, e isso se tornará um impulso para o fornecimento aqui.

Mas, isso não está a acontecer porque, segundo o economista, a realidade é que na situação da Nigéria o dólar não sai de onde está, ou seja:

A pessoa que fornece o equivalente em naira aqui prefere manter o equivalente em dólares fora do país, para que não entre no mercado de câmbio na Nigéria.

De acordo com Biodun Adedipe, as autoridades nigerianas agora precisam encontrar maneiras que tornem mais atraente a entrada de moedas estrangeiras no país geradas por trabalhadores nigerianos no exterior.


LEIA TAMBÉM


Binance Suspende Serviços e Produtos na Noruega

Bilionário John Paulson diz que as Criptomoedas não têm “Valor Intrínseco”