Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Paraguai Poderá ser o Segundo País da América Latina a Legalizar o Bitcoin

O Deputado Carlos Rejala (Carlito) sugeriu nesta segunda-feira 7 de junho de 2021, por meio de um anúncio que o Paraguai Poderá ser a segunda nação da América Latina a legalizar o Bitcoin.

O parlamentar explicou que durante esta semana o país começará um importante projecto. E, tudo indica que trata-se do Bitcoin e da sua legalização para permitir que a moeda seja transacionada no país sem restrições.

Há muito que digo isso: nosso país precisa andar de mãos dadas com a nova geração. Chegou o nosso momento. Nesta semana, iniciaremos um importante projecto que ajudará a inovar o Paraguai para que o mundo inteiro veja.

O anúncio foi feito no perfil do Twitter do Magnata, após Nayib Bukele, presidente de El Salvador ter anunciado no evento Bitcoin 2021, que o país está a trabalhar para dar o estatuto de moeda legal ao Bitcoin.

Para reforçar o anúncio, Carlito actualizou a sua foto de perfil no Twitter, na qual os olhos estão com o efeito laser. Uma tendência que os entusiastas utilizam para simbolizar um carga de energia positiva em Bitcoin.

A adopção do Bitcoin na América Latina

A adopção do Bitcoin na América Latina cresceu exponencialmente quando os políticos começaram a declarar que a região está pronta para receber as criptomoedas.

Mas a certeza de que os países desta região estão realmente considerando as criptomoedas surgiu quando o presidente de El Salvador, Nayib Bukele, revelou que apresentará nesta semana, aos reguladores financeiro do país, um projecto que propõe o curso legal do Bitcoin.

Paraguai-el-salvador-bitcoin-carlito-carlitos-moeda-Criptomoedas-América-latina-do-sul-políticos-

Acredita-se que países como El Salvador e Paraguai perceberam que o Bitcoin pode ser a solução contra a inflação económica e da desvalorização das moedas fiduciárias, e por isso decidiram adotá-lo.

Actualmente, o universo cripto está dividido entre os governos opositores que desaprovam rigorosamente as criptomoedas e as nações que reagiram positivamente a elas.

A inflação e as desvalorizações fazem com que as criptomoedas sejam cada vez mais procuradas, pois representam a segurança que as moedas tradicionais não têm.


LEIA TAMBÉM


O Bloqueio do Twitter na Nigéria e as Possíveis Consequências no Mercado de Criptomoedas

Donald Trump Diz que Bitcoin Parece ser Uma Farsa

Escreva o seu comentário