Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Serviço de Inteligência de Israel quer Especialistas em Criptomoedas

A agência de inteligência israelita, Mossad, está à procura de profissionais da área de tecnologia financeira (fintech) e exclusivamente de criptomoedas; ao que parece, a agência quer usar criptomoedas para pagamentos anónimos a agentes ou em compra de equipamentos.

A informação foi veiculada neste domingo, 8 de agosto, pelo principal meio de comunicação de Israel, o Ynet. De acordo com o Ynet, esta é a primeira vez que o Mossad busca abertamente por um indivíduo especializado em criptomoedas.

O cargo e as suas exigências

Mossad-Mossad-israelita-Mossad-Mossad-israelita-israelMossad-Mossad-israelita-israel-Mossad-Mossad-israelita-israel-criMossad-Mossad-israelita-israel-criptomoedas-Mossad-Mossad-israelita-israel-criptomoedas-Mossad-Mossad-israelita-israel-criptomoedas-Mossad-Mossad-israelita-israel-criptomoedas-hamas--agência--inteligência

De acordo com a descrição do cargo, o Mossad busca um líder tecnológico em fintech e criptomoedas. A posição inclui liderança, iniciação, planeamento e acompanhamento de actividades de desenvolvimento de sistemas, e são necessários 3 anos de experiência no mundo das fintechs.

A agência também busca por um consultor de negócios para o que o Mossad descreveu como uma “função desafiadora e dinâmica”.

Criptomoedas entre Israel e Hamas

ita-israel-Mossad-Mossad-israelita-israel-criMossad-Mossad-israelita-israel-criptomoedas-Mossad-Mossad-israelita-israel-criptomoedas-Mossad-Mossad-israelita-israel-criptomoedas-Mossad-Mossad-israelita-israel-criptomoedas-hamas--agência--inteligência

Em 10 de julho o Bureau Nacional de Financiamento do Terror de Israel ordenou o confisco de 84 endereços de criptomoedas que o Mossad considera que estejam ligados ao Hamas.

O Hamas é um movimento islamista-palestino, de orientação sunita, composto por uma entidade filantrópica (dawa), um braço político e um braço armado, as Brigadas Izz ad-Din al-Qassam.

De acordo com o Mossad, o Hamas usou várias criptomoedas, incluindo Tether, Bitcoin, Ethereum e Dogecoin, com carteiras que receberam mais de 7,7 milhões de dólares em criptomoedas.

Portanto, é possível que o serviço de inteligência esteja a considerar usar as criptomoedas para fazer frente aos seus adversários no Médio Oriente e, sobretudo, na Faixa de Gaza, onde actua o Hamas.

O Mossad é uma das maiores agências de inteligência do mundo, a par da CIA dos Estados Unidos e do FSB da Rússia. A agência é responsável pelas operações secretas e pelo contra-terrorismo em Israel.


LEIA TAMBÉM


Google Recebe Críticas por Alegadamente não Remover um Anúncio Fraudulento Sobre Criptomoedas

Brian Brooks Renuncia ao Cargo de CEO da Binance US