Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Uniswap – Guia Completo da Exchange Descentralizada

Guia da exchange descentralizada Uniswap, para explicar o que é e como funciona. O protocolo Uniswap permite que compradores e vendedores troquem tokens ERC20 sem o uso de um poder central ou livro de pedidos.

A Uniswap tem sido um tópico frequentemente debatido no espaço DeFi, você pode ter ouvido sobre a mesma num dos vídeos do nosso canal do Youtube. Originalmente, Hayden Adams criou o protocolo Uniswap inspirado na postagem de Vitalik Buterin sobre a equação do criador de mercado X * Y = K.

Hayden fez uma abordagem prática à equação e criou o Uniswap, um protocolo para provisionamento automatizado de liquidez.

Este guia ajudará você a entender os seguintes conceitos:

O que é Uniswap?
Como funciona o provisionamento de liquidez automatizado usando a equação X * Y = K?
Qual é a diferença entre Uniswap a V1 e V2?
Como você pode lucrar com o provisionamento de liquidez no Uniswap?
Quais são os perigos dos swaps flash (empréstimos flash)?
Vamos mergulhar nos detalhes do Uniswap!

O que é Uniswap?

Vamos começar com uma introdução básica que responde à pergunta: o que é Uniswap?

Uniswap é um protocolo que permite que compradores e vendedores troquem tokens ERC20 sem o uso de uma exchange ou livro de pedidos. A Uniswap usa uma equação algorítmica que determina automaticamente a taxa de troca com base nos saldos de ambos os tokens e a demanda real para este par de troca.

Agora você pode se perguntar por que o Uniswap é tão revolucionário? Os mercados tradicionais exigem que compradores e vendedores forneçam liquidez, o que nem sempre é fácil de se fazer. Mesmo as bolsas descentralizadas (DEX) sofrem esse problema, pois dependem muito da liquidez para seu sucesso.

A Uniswap aborda esse problema de uma maneira diferente por meio do provisionamento de liquidez automatizado. A Uniswap permite que uma DEX troque tokens ERC20 sem ter que depender da mecânica de compradores e vendedores para criar liquidez. Mas como funciona o provisionamento de liquidez automatizado?

Como funciona o provisionamento de liquidez automatizado da Uniswap?

A Equação “X * Y = K” Explicada

Na equação “X * Y = K”, o X e Y representam respectivamente o número de tokens ETH e ERC20 disponíveis. Enquanto K representa uma constante que pode ser definida pelos criadores do contrato de câmbio no Uniswap. K pode parecer uma constante aleatória, no entanto, é o que mais importa. Quando você multiplica X por Y, o valor deve ser sempre igual ao valor de K.

 

Agora, vamos dar uma olhada no gráfico acima. O gráfico representa a constante K, que é uma função. O eixo Y representa o token B (ETH), enquanto o eixo X representa o token A (ERC20) token.

O primeiro ponto vermelho (posição antiga) representa o preço atual para trocar este par ETH-ERC20 com base no saldo atual de tokens ETH contra tokens ERC20.

Portanto, o saldo de tokens ETH diminui e o saldo de tokens ERC20 aumenta. Isso significa que o ponto vermelho se move para a nova posição, pois temos mais tokens ERC20 e menos tokens ETH no reservatório de liquidez. Em outras palavras, é um algoritmo de precificação muito simples, onde a taxa de preço se move ao longo de um gráfico.

Em seguida, é importante saber que desde 23 de março de 2020, o Uniswap V2 foi introduzido.

O V2 vem com muitas novas funcionalidades e atualizações de recursos existentes. Vamos aprender sobre as diferenças.

Compreendendo a diferença entre Uniswap V1 e V2

Muitos novos recursos foram introduzidos com o Uniswap V2, como oráculos de preços, flash swaps e um roteador de troca. Este último elemento é mais importante para entender como obter uma melhor noção de como a Uniswap roteia os tokens entre pools de liquidez.

Uniswap V1

Na postagem do blog Uniswap V2, podemos ler como funciona o Uniswap V1:

“No Uniswap V1, todos os pools de liquidez estão entre ETH e um único token ERC20. Ter um numerário constante fornece uma boa vantagem de UX – os usuários podem trocar qualquer ERC20 por qualquer outro ERC20 roteando através do ETH.

Como o ETH é o ativo baseado em Ethereum mais líquido e não apresenta nenhum novo risco de plataforma, foi a melhor escolha para Uniswap V1. ”

O que isso significa é que o Uniswap V1 sempre executa duas negociações. Uma primeira negociação para trocar seu token ERC20 por ETH e uma segunda negociação para converter seu ETH de volta para o token ERC20 desejado. Em outras palavras, o usuário final paga taxas duas vezes.

Isso impôs algumas limitações no uso do Uniswap:

1. Taxas mais altas;
2. Uniswap fortemente vinculado ao uso de ETH;
3. Não é possível trocar tokens ERC20 diretamente com outros tokens ERC20.
Pelas razões acima, o Uniswap V2 foi criado.

Uniswap V2

O Uniswap V2 fornece aos usuários finais três opções diferentes para trocar seus tokens, usando o “Contrato de roteador”.

O contrato de roteador nada mais é do que um contrato que contém lógica de roteamento para enviar seus tokens para o contrato de troca correto. Em outras palavras, o contrato do roteador está ciente de todos os contratos de troca que implementam o protocolo Uniswap V2.

Aqui estão as três possibilidades de troca:

1. Uma troca direta entre dois pares ERC20. Por exemplo, duas stablecoins, como DAI / USDC, podem ser muito úteis para os traders.
2. Troca tradicional pela ETH, onde você paga duas vezes.
3. Trocas de caminho personalizadas onde você pode construir um caminho de troca mais complexo, como DAI / ETH, ETH / BAT, BAT / USDT e USDT / USDC para converter seu DAI em USDC. Frequentemente, isso oferece aos traders oportunidades interessantes de arbitragem.

 

Agora, iremos falar sobre alguns prós e contras da Uniswap:

Prós:
1. Descentralizada;
2. Qualquer novo token pode acessar diretamente a liquidez adicionando seu token para uma troca ao contrato do roteador Uniswap V2.
3. Negociações de baixo custo em comparação a uma DEX ou câmbio centralizado.
4. Provedores de liquidez podem se beneficiar contribuindo com liquidez para pools de liquidez.

Contras:
1. Possibilidade de ataques de flash swap
2. Ainda depende da negociação de arbitragem para remover os desequilíbrios do mercado. No entanto, qualquer mercado natural vê negociação de arbitragem para remover desequilíbrios rapidamente.
3. Listagens de tokens falsos.
4. Atualmente, os altos preços do gás devido ao alto volume de negócios tornam a negociação com o Uniswap uma atividade ainda mais cara.

No próximo artigo falaremos sobre como usar e adicionar liquidez na Uniswap, além disso, faremos também um vídeo sobre o mesmo. Fique ligado :).

 

Contribua para a exchange da Comunidade: Crowdfunding da Exchange de Criptomoedas da Comunidade – YetubitCrowdfunding da Exchange de Criptomoedas da Comunidade – Yetubit

Leia também: O que é DeFi? Finanças Descentralizadas – Tudo Que Você Precisa Saber

Leia também: Protocolos DeFi Ultrapassam a Marca de $ 10 Biliões em Ativos Bloqueados

Escreva o seu comentário