Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Usuária Relata Ter Sido Vítima de Assédio Sexual no Metaverso

Um avatar pode ser agredido sexualmente? Ao que tudo indica, sim. Uma empresária britânica e vice-presidente de pesquisa de metaversos de um empresa do setor, relatou ter sido vítima de uma agregação sexual dentro do metaverso.

“Entrei no espaço comum e quase imediatamente três ou quatro avatares masculinos grudaram em mim: me senti encurralada”, disse Nina Jane Patel à AFP.

“Eles tocaram e apalparam meu avatar sem meu consentimento. Enquanto isso, outro avatar estava tirando selfies”

Depois do ocorrido a empresária relatou que o seu agressor lhe mostrou as fotos virtuais da cena. Foi nesse momento que a empresária, percebeu que havia sido vítima de “uma agressão sexual”.

Nina Jane Patel lembra que depois de exigir que seus agressores parassem, ela tirou o capacete de realidade virtual.

Pelos alto-falantes da sala ainda podia ouvir as vozes masculinas dizendo: “não finja que não gostou” ou “é por isso que você veio aqui”.

Segundos depoimentos, este não é um caso isolado, vários outros visitantes do metaverso de plataformas diversas relataram incidentes semelhantes.


LEIA TAMBÉM


Bored Ape Yacht Club Confirma Ataque ao Seu Servidor Discord

Liverpool Lança Coleção de NFT

%d bloggers like this: